terça-feira, 25 de outubro de 2016

Caos em Belford Roxo: Funcionários da Saúde entram em greve, ameaçam parar a cidade e fechar a Dutra



BELFORD ROXO - Com dois meses de salários atrasados, funcionários da Saúde em Belford Roxo entraram em greve, nesta segunda-feira (24). Eles inciaram um protesto em frente à prefeitura pela manhã. Cerca de dez funcionários foram recebidos pelo secretário municipal de Fazenda, mas não receberam garantia de pagamento.


— Trabalho há 23 anos como servidora em Belford Roxo e isso nunca aconteceu. Tinha TV a cabo, telefone, internet, mas cancelei tudo. Agora, minha luz está cortada — contou a auxiliar administrativo Ângela Cristina Cavalcante, de 51 anos.

Segundo a auxiliar administrativo Austrelina Batista Machado, de 59 anos, os atrasos começaram em dezembro:

— Recebemos o décimo terceiro dividido em três vezes. E agora, após 24 anos dedicados ao município, tenho que vir aqui reivindicar um direito que é nosso.

Segundo os manifestantes, cerca de 150 servidores da Saúde aderiram à greve. Eles estão organizando uma caminhada, nesta terça-feira. O grupo vai sair da prefeitura em direção à Rodovia Presidente Dutra, e prometem fechar a via.

A Prefeitura de Belford Roxo negou que esteja havendo greve de servidores da Saúde. Explicou que foi uma paralisação de alguns funcionários. Disse ainda que o atraso de julho, agosto e setembro não ocorre com todos os servidores, e que aqueles que são pagos com verba carimbada estão regularizados. Os que não estão, segundo a administração municipal, vão ser pagos até o final desta semana.

A prefeitura disse que os demais pagamentos em atraso são os que dependem do repasse dos governos estadual e federal. Estes vão começar a ser pagos, segundo o órgão, a partir desta quarta-feira.

A sede da Secretaria de Saúde ficou fechada



Via Extra / Fotos Cintia

Nenhum comentário:

Postar um comentário