segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Polícia Federal prende suspeito de terrorismo em Belford Roxo 0 Editor Noticias sexta-feira, 29 de julho de 2016

BELFORD ROXO - Um homem suspeito de ter envolvimento com terrorismo foi preso, na madrugada da última quarta-feira, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Chaer Kalaoun mora em Nova Iguaçu, mas foi detido na casa de um amigo. A Polícia Federal acredita que ele era pago pelo Estado Islâmico (EI) para recrutar pessoas no Brasil, já que ele publicou no Facebook um juramento ao grupo jihadista.

O advogado do suspeito, Edson Ferreira, disse ao Extra que Chaer já tinha sido preso em maio de 2014, antes da Copa do Mundo, por porte ilegal de arma de fogo. Mas ele nega que o rapaz tenha qualquer tipo de envolvimento com o Estado Islâmico.

Segundo a Polícia Federal, que o mandado de prisão foi cumprido com base na lei antiterror. A entidade ainda ressalta que a detenção não tem nenhum tipo de vículo com a Operação Hashtag.

Chaer é descendente de libaneses. Seus familiares são comerciantes em Nova Iguaçu. Ele estava sendo monitorado pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin) desde 2013, quando foi visitar a avó paterna no Líbano. Na época, ele postou imagens segurando um fuzil além de ter voltado para o país com bandeiras do EI além de ter feito postagens consideradas suspeitas. Chaer também é monitorado pelas agências americanas CIA e FBI.

De acordo com familiares do rapaz, o suspeito tem problemas psicológicos e fazia este tipo de publicações para chamar atenção. Conhecidos de Chaer também contaram que ele sofria de depressão e o conteúdo de suas conversas, geralmente, era sobre mortes e ficção científica.


via: conecta baixada
29/07/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário