quarta-feira, 15 de junho de 2016

Ministério da Cultura e Instituto CCR apresentam o espetáculo Máquinas, da companhia BuZum!, em Belford Roxo

BELFORD ROXO - O Ministério da Cultura e o Instituto CCR apresentam o BuZum!, companhia de teatro de bonecos sobre rodas que circula por todo o Brasil levando a magia do palco para alunos de escolas públicas. Com o patrocínio da CCR NovaDutra, entre os dias 14 e 15 de junho, a companhia estaciona em Belford Roxo para apresentar a alunos da rede pública de ensino sessões gratuitas do espetáculo Máquinas. 

Em Máquinas, os bonecos criados pelo BuZum! ensinam as crianças sobre a evolução dos meios de transporte de uma forma lúdica e criativa ao representar uma história de amor que atravessa os tempos. Para agradar a sua amada, o protagonista inventa diversos meios de transporte para chegar à Lua e ganhar o seu tão desejado beijo de amor. Os personagens fazem uma viagem no tempo, percorrendo desertos e montanhas a pé, a cavalo, em uma embarcação, de carro, até a invenção do foguete. A peça tem autoria de Beto Andreetta e Mari Gutierrez, direção de Wanderley Piras e trilha sonora original de César Maluf. 

As apresentações do BuZum! na região integram a itinerância de Máquinas por 36 cidades nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, em projeto apresentado pelo Ministério da Cultura e Instituto CCR, por meio da Lei Rouanet, e patrocinado pela CCR NovaDutra. O Instituto CCR é uma entidade privada sem fins lucrativos, criada em 2014 para estruturar a gestão de projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos apoiados pelo Grupo CCR. 

Educação 

Quando o BuZum! estaciona em frente a uma escola ou instituição, as peças em cartaz levam também ensinamentos que podem ser utilizados pelos professores. Para isso, foi desenvolvido pelo BuZum!, em parceria com o Instituto Saberes, o Livro do Professor, um material pedagógico entregue a cada professor após assistirem aos espetáculos. ‘São muitos os temas que podem ser trabalhados nas aulas de história, geografia, português, matemática’, conta Mari Gutierrez. Com o apoio do material pedagógico, os professores conseguem relacionar o assunto abordado na peça à matéria lecionada em sala de aula, expandindo, assim, os conhecimentos do aluno. O objetivo é instigar a curiosidade das crianças antes mesmo das apresentações e mantê-la após a passagem do BuZum!. Por meio de intertextualidade, charadas, brincadeiras, curiosidades e dicas literárias, os alunos aprendem de forma leve e didática sobre diferentes temas. 

Repertório

A companhia tem oito espetáculos em repertório, sendo sete peças para crianças: Darwin BR; sobre a passagem do naturalista inglês Charles Darwin pelo Brasil; Filhotes do Brasil, obra ambientada na Amazônia que trata da relação entre pais e filhos; Mundo Português, uma bem humorada viagem pelo universo da língua portuguesa pela Ásia, África e América do Sul; O Mundo é uma Bola, espetáculo criado às vésperas da Copa do Mundo que conta a história do futebol desde sua criação; 13 Gotas, sobre um dos principais temas da atualidade: a importância da água; e Máquinas, sobre a história dos meios de transporte. O BuZum! também tem um espetáculo para adolescentes chamado Intolerância, que levanta questões sobre preconceitos no ambiente escolar, que têm se tornado rotineiros no cotidiano dos jovens. Em 2015, a companhia estreou o espetáculo Energia, sobre as diferentes fontes de energia. 

BuZum! em 5 anos 

Em 2015, a companhia de teatro itinerante completou cinco anos com números expressivos: foram cerca de seis mil apresentações para 300 mil espectadores de 900 escolas públicas, em 250 cidades dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Bahia, Minas Gerais, Maranhão, Espírito Santo e Rio Grande do Sul. 

Adaptado em um ônibus que se transforma em sala de teatro, o BuZum! é equipado com palco, iluminação, ar condicionado e espaço para a plateia com capacidade para receber até 50 espectadores por sessão. 

Prêmios 

Em 2016, o BuZum! recebeu o Prêmio Governador do Estado para Cultura, na categoria Arte para Crianças – Voto Popular. Em 2014, a companhia foi contemplada com o prêmio de Melhor Produção e Melhor Autor de Texto Original no 1º Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem (ex-Prêmio Femsa). 

Sobre o Instituto CCR 

O Grupo CCR criou em 2014 o Instituto CCR, entidade privada, sem fins lucrativos, para estruturar a gestão de projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos apoiados há mais de dez anos pela empresa. O Instituto CCR vai otimizar a utilização de recursos próprios da companhia e oriundos de leis de incentivo em projetos estruturados em quatro áreas: Saúde e Qualidade de Vida; Educação e Cidadania; Cultura e Esporte; Meio Ambiente e Segurança Viária. O Grupo CCR apoia o desenvolvimento sustentável, socioeconômico e cultural nas regiões onde atua, com a experiência de ter levado mais de 500 projetos para 120 cidades que, desde 2003, já beneficiaram 7 milhões de pessoas com investimento de R$ 185 milhões em projetos estruturados. O Instituto CCR vai ampliar estratégia do Grupo visando consolidar a maior empresa de infraestrutura da América Latina em um dos maiores investidores sociais privados do país. Com o Instituto CCR, a companhia fomenta ainda mais a cultura brasileira e o desenvolvimento da cidadania nas regiões onde o Grupo CCR atua. 


Serviço:
BuZum! apresenta ‘Máquinas’ em Belford Roxo 
Dias 14 e 15 de junho (terça e quarta-feira) 
Praça Eliaquim Batista - Centro 
Horários das sessões: 9h / 9h40 / 10h20 / 13h30 / 14h10 / 14h50 


Mais informações em www.buzum.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário