segunda-feira, 18 de abril de 2016

Nino do Milênio renova com a Inocentes de Belford Roxo

BELFORD ROXO - O intérprete Nino do Milênio renovou essa semana seu contrato para mais um carnaval com a Inocentes de Belford Roxo, muito contente no ato da assinatura recebeu elogios do presidente Reginaldo Gomes. 


- É uma felicidade muito grande estar mais um ano na escola que me lançou e me faz sentir-se realizado como artista. Mais uma vez tenho a oportunidade de mostrar meu talento como protagonista. 

O presidente me dá muita liberdade para trabalhar. A equipe do carro de som é maravilhosa, são todos muito interessados e participativos. É todo mundo amigo, não tem estresse. É uma equipe muita unida e isso tem sido nosso diferencial. Tenho como diretor musical o Cesinha do Pique Novo, que, além disso, toca cavaco também. Tem o Cristiano Oliveira, no bandolim, o famoso Carlinhos do Cavaco. O meu violão é o Diogo, do grupo “SouI + Samba”. E cantando comigo tem o Jackson Santos, o Edivander e o João, que é irmão do Serginho do Porto. 

Em 2007, cheguei à Inocentes com apenas dezoito anos, para disputa como compositor. Logo fui convidado para ser apoio no carro de som da escola. Em 2008 e 2009 continuei assim, até que no carnaval de 2010 tornei-me intérprete oficial. Eu ainda era novo, mas o Reginaldo quis me dar essa chance. Infelizmente, acabei saindo da escola no ano seguinte e fui para o Arranco, onde cantei em 2011 e 2012. Passei depois pelo Cabuçu, Unidos de Bangu e, no carnaval de 2015, retornei à Inocentes, podendo dar continuidade ao trabalho que havia sido interrompido, defendendo o samba em homenagem a Nelson Sargento. No ano seguinte tive a missão de cantar a obra em homenagem a Cacá Diegues. 

Quero registrar o meu carinho ao Reginaldo que considero mais um pai que Deus colocou no meu caminho e acredita em mim. E também ao meu irmão Rodrigo Gomes que sempre me apoiou em toda minha trajetória. Se depender do meu presidente só sairei da Inocentes se for para uma agremiação do Grupo Especial. Isso me incentiva a fazer cada vez mais pela Inocentes e sonhar em levar a escola para o Grupo de Elite e eu como sua voz oficial, fazendo parte da sua história nesse momento que será glorioso. 

Para 2017, meu objetivo é cantar mais e mais. E para isso estou fazendo aula de canto, e adquirindo mais técnica vocal e postural e como resultado fazer a escola e a Sapucaí balançar, quando soltar seu grito de guerra “Essa parte que me emociona” - declarou o intérprete da Inocentes de Belford Roxo, Nino do Milênio.

A Inocentes de Belford Roxo classificou-se em nono lugar, no Grupo de Acesso, no último carnaval com o enredo "Cacá Diegues - retratos de um Brasil em cena".


Nenhum comentário:

Postar um comentário