sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Mega operação do Detro infraciona 89 ônibus

BELFORD ROXO - Ações simultâneas em 16 pontos do estado foram realizadas na manhã de quinta-feira (28) por agentes do Departamento de Transportes Rodoviários (Detro), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Transportes, com o objetivo de fiscalizar o serviço prestado à população pelas empresas de ônibus intermunicipais na Região Metropolitana e no interior. Como resultado, os fiscais aplicaram 89 multas e recolheram 35 coletivos, somando R$ 154.560,88 em multas.

Na ação, foram infracionados veículos com documentação vencida, mau estado de conservação, farol queimado, selo de vistoria vencido, mudança de itinerário, questões referentes à acessibilidade, como plataforma e campainha de cadeirantes com defeito, entre outros.

O presidente do Detro, Carlos Luiz Martins, afirma que novas operações serão realizadas. “Fiscalizar os serviços prestados pelas empresas de ônibus intermunicipais em todo estado é uma ação importante para a constante melhoria que desejamos. A população deve ser atendida com serviço de qualidade e por isso seguiremos verificando os coletivos e punindo quem estiver operando irregularmente”, declarou.

As equipes atuaram simultaneamente na rodoviária Novo Rio e nos terminais Américo Fontenelle (Central), Alvorada (Barra da Tijuca), Belford Roxo, Campo Grande, João Goulart (Niterói), Nova Iguaçu, Nilópolis, Itaguaí, Magé, Duque de Caxias, Angra dos Reis, Três Rios, Barra Mansa e Campos dos Goytacazes e no ponto final no bairro de Monjolos (São Gonçalo).

Esta foi a segunda megaoperação do ano com objetivo de verificar as condições dos serviços prestados pelas empresas de ônibus intermunicipais. Além da operação de inteligência, o Detro também utiliza as denúncias feitas pela população para direcionar as ações de fiscalização. Para participar, os cidadãos devem informar a irregularidade e número da linha do ônibus intermunicipal que cometeu a infração, por meio do telefone da Ouvidoria (21) 3883-4141 ou pelo e-mail ouvidoria@detro.rj.gov.br. Desde a última quarta-feira, os passageiros também podem encaminhar informações pelo WhatsApp Fale Detro (21-98596-8545) ou pelo aplicativo para celular Fiscal de Bolso.


Divulgação

Dennis Dauttmam cancela carnaval em Belford Roxo e prioriza investimentos na saúde e em asfalto


BELFORD ROXO - O prefeito Dennis Dauttmam, confirmou na quarta-feira (27), que não irá realizar carnaval de rua neste ano para priorizar investimentos no asfalto da cidade e na saúde. A decisão foi anunciada após reunião com o setor orçamentário, que avaliou a insuficiência de recursos devido a crise que assola o país. 

Conforme nota enviada à imprensa, Dauttmam considerou a atual situação financeira do Município, que vem sofrendo a crise e com a queda de receita e dos repasses dos governos Estadual e Federal. “Optamos por não realizar a festividade do carnaval de rua que sempre teve em diversos bairros da nossa cidade justamente para cumprir com nossos compromissos. Temos em mente necessidades primordiais, tanto na saúde quanto na questão da infraestrutura, também no pagamento do 13º dos funcionários. Existem alguns lugares que o tapa-buraco não resolve mais por conta do asfalto antigo, com está ação de retirada do velho asfalto e a colocação do novo, irá resolver o problema de fato,” justificou.

Questionado sobre obras, o prefeito reconheceu que os bairros precisam de obras com urgência, mas alegou que não tem recursos por conta da crise. 70% da população não contribui com os impostos e a cidade é praticamente 100% habitada e estamos seguindo em frente com as parcerias indo sempre a Brasília batendo em porta em porta pedindo ajuda. Disse ainda que está fechando parceria com uma empresa de asfalto para resolver o problema da falta de pavimentação. Com o cancelamento do carnaval, a Prefeitura deve economizar e garantir as contrapartidas para a recuperação dos asfaltos onde já iniciou as obras no centro da cidade. 

A Prefeitura informou que os blocos carnavalescos que acontecem todos os anos, irão acontecer normalmente em alguns bairros com ajuda de iniciativa privada, porém sem apoio da prefeitura.

Via Extra / Hora H / Jornal Folha da Baixada / Notícias de Belford Roxo
Fotos Marcos Paulo

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Bandidos tentam invadir Shangri-lá. Quatro foram presos e um foi morto

BELFORD ROXO - Moradores de Shangri-lá se assustaram com a tentativa de invasão de bandidos no bairro, na noite de terça-feira (26). O 39ºBPM (Belford Roxo) recebeu inúmeras denúncias informando que um automóvel estava circulando no bairro com elementos armados efetuando disparos. Várias guarnições do Batalhão procederam ao local e obtiveram êxito em abordar um automóvel Idea com quatro elementos fortemente armados. Com eles foram apreendidas 01 Espingarda Cal 12 cano duplo, 01 pistola Tauros cal 380, 01 réplica de fuzil 556, 03 facões, 01 colete balístico, 14 munições cal 12, 17 munições cal 380, 01 balaclava. Um bandido em outro local foi encontrado morto.


A ocorrência foi registrada na 64ªDP (Central de Flagrantes).





Via Notícias de Belford Roxo

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

OMS investiga caso de transmissão do zika vírus por relação sexual

SAÚDE - A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou, ontem, que está investigando um caso de transmissão do zika vírus por contato sexual, sem dar detalhes de onde e quando o caso teria ocorrido. “O zika já foi isolado em sêmen humano, e já foi descrito um possível caso de transmissão sexual de pessoa para pessoa”, afirmou um comunicado da OMS, distribuído pela agência de notícias Reuters. “Mais evidência, porém, é necessária para confirmar se o contato sexual é um modo de transmissão”.

O relato foi divulgado durante o encontro do painel executivo da entidade, em Genebra, que discute epidemias em escala global. A única via de transmissão confirmada para o vírus é o mosquito Aedes aegypti, mas outras estão sendo investigadas. Não há nenhuma evidência ainda de transmissão pelo leite materno.

Um estudo publicado na revista científica “Emerging Infectious Diseases”, em maio de 2011, relata o caso de um cientista americano que, ao voltar do Senegal para os EUA em 2008, quando o país africano era acometido por surto do zika vírus, desenvolveu os sintomas da infecção já em casa, no estado do Colorado. O fato de sua mulher, que não saíra dos EUA, também ter sido infectada pelo zika foi interpretado pelos pesquisadores como um indício de uma possível transmissão sexual do vírus, pelo sêmen. A OMS não confirmou, porém, se a investigação conduzida agora se refere a esse caso.


Outro comunicado da entidade divulgado ontem afirma que o zika vírus, associado a casos de microcefalia, deve se espalhar por todos os países das Américas, com exceção do Canadá e do Chile. Segundo a agência, a doença já está presente em 21 países e territórios da região, tendo se espalhado desde março de 2015. A disseminação rápida se deve à baixa imunidade que a população local possui para o vírus, originário da África.


Via Extra

Cacá Diegues visita barracão da Inocentes de Belford Roxo

BELFORD ROXO - O premiado cineasta brasileiro Cacá Diegues, grande homenageado da escola de samba Inocentes de Belford Roxo, visitou o barracão da agremiação na tarde da última segunda-feira, para acompanhar e conhecer a elaboração das alegorias.

Enredo da agremiação em 2016 como o tema – “Cacá Diegues – Retratos de um Brasil em Cena”, o ilustre torcedor do Botafogo, se diz muito empolgado e o que espera da escola na Marquês de Sapucaí.

– Estou muito satisfeito e emocionado com o que estou vendo. Poder ser homenageado por uma escola de samba como a Inocentes e desfilar ao lado dos meus familiares e amigos vai ser inexplicável. Não posso aguardar o dia do desfile oficial. O estudo e proposta feita pelo Marcio e pelo professor Júlio César Farias é muito legal, pois passa um filme de toda minha vida, que vocês inclusive sabem mais do que eu. Os carros alegóricos retratando alguns dos meus filmes estão muitos criativos. Quero que a Inocentes seja o Botafogo das escolas de samba. Saia da segunda para a primeira divisão, ou seja, da Série A para o Grupo Especial – destacou entre risos e emoção. 

O público presente na Avenida poderá ver, Cacá, que virá na última alegoria da escola, receber simbolicamente a maior premiação do cinema, o Oscar – o Oscar do amor. O mesmo ainda aproveitou a oportunidade para tirar as medidas da roupa que usará no dia do desfile, confeccionada pelos estilistas Izaquis e Safra. A Inocente de Belford Roxo será a terceira escola a desfilar no sábado de Carnaval.



Divulgação
Fotos Vinicius Vianna


terça-feira, 26 de janeiro de 2016

39ºBPM faz operação e retira barricadas no Castelar em Belford Roxo

BELFORD ROXO - Policiais Militares do 39ºBPM (Belford Roxo) realizaram neste último sábado (23 de janeiro) uma operação para retirar barricadas montadas por traficantes de drogas no Morro do Castelar, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. 

Os criminosos usaram troncos, blocos de concreto, madeiras, pneus, móveis e outros objetos para impedir a entrada de veículos da polícia na comunidade. 



Os policiais trabalharam com o apoio de uma retroescavadeira e de um caminhão. Segundo a PM, não houve troca de tiros. 

Nosso objetivo foi cumprido na operação: retiramos todas as barricadas da comunidade do Castelar. Devolvemos a passagem aos moradores e facilitamos a entrada da PM na região - disse o comandante do 39° BPM, tenente-coronel Souza.







Via Notícias de Belford Roxo

Usuários sofrem com atrasos no ramal de trem de Belford Roxo

BELFORD ROXO - Quem precisou pegar o trem do ramal de Belford Roxo na manhã de ontem foi surpreendido com atrasos. As composições partiam lotadas desde as 5h20 com intervalos irregulares e segundo a SuperVia, concessionária que administra o serviço, as partidas foram reprogramadas por conta da recuperação dos equipamentos de sinalização da passagem de nível. 

A dona de casa, Carla Simone Moura, de 44 anos, chegou a estação de Belford Roxo às 6h30 da manhã e foi uma das usuárias surpreendida com o horário irregular de circulação do transporte. “Esperei por um trem mais de 40 minutos. O dobro do tempo”, contou a passageira. “É uma vergonha o que essa empresa faz com os passageiros. Não podemos confiar no serviço prestado por eles. Acabei me atrasando muito para o meu compromisso”, disse a dona de casa.

Para a secretária Gisele Barros, de 23 anos, os problemas contínuos são reflexos das composições sucateadas. “Eu não sei o motivo do atraso, ninguém informa nada, mas acredito que seja por conta de alguma composição antiga. Nesse ramal só circulam trens velhos”, declarou.

Questionada sobre o atraso do serviço na linha de Belford Roxo, a SuperVia informou que as partidas do ramal foram reprogramadas, devido ao trabalho de técnicos da concessionária na recuperação dos equipamentos de sinalização da passagem de nível. “Desde a última semana de dezembro do ano passado, a SuperVia realiza a recuperação de cabos e equipamentos responsáveis pelo funcionamento dos sinais luminosos e sonoros das passagens em nível próximas às estações Costa Barros e Pavuna/S.João de Meriti (ramal Belford Roxo). O sistema, destinados à orientação dos motoristas que trafegam nestes locais, foram totalmente danificados após um incêndio iniciado em objetos despejados irregularmente na via férrea. Desde então, a SuperVia designou agentes de controle para os locais, com o objetivo de orientar os motoristas e evitar acidentes. Além disso, a área de segurança do tráfego da concessionária determinou que todos os trens circulem com velocidade reduzida e que os maquinistas acionem a buzina nestes trechos. Devido à complexidade dos equipamentos que compõe o sistema de sinalização, a previsão é que a reinstalação de todo o equipamento seja concluída no final de fevereiro”, informou em nota a concessionária. 

Por: Gabriele Souza
Via Jornal Hoje

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Prefeitura de Belford Roxo abrirá concurso público com 2000 vagas

BELFORD ROXO - Em entrevista ao Jornal O DIA, nesta segunda-feira (25 de janeiro), o prefeito de Belford Roxo, Dennis Dauttmam, informou que a prefeitura tem em média 11.000 servidores e que seguirá determinação do Ministério Público para realizar concurso público em diversas áreas, principalmente na saúde. Esperamos realizar o concurso em março. Agora estudamos o impacto financeiro porque queremos oferecer 2 mil vagas.

Entrevista na íntegra:


PREFEITO da maior cidade do país governada pelo PCdoB, o designer e empresário de moda Dennis Dauttmam, de 51 anos, foi desafiado a entrar na política. Duas vezes vereador de Belford Roxo, foi chamado de ‘maluco’ ao se candidatar à prefeitura. Passados três anos no cargo, ele faz um balanço sobre a gestão na cidade que tem alguns dos piores indicadores sociais do estado. Apesar da crise que sugou parte do orçamento de 2015, hoje enumera ganhos na saúde e educação e anuncia concurso público para admitir pelo menos 2 mil servidores. Trazer asfalto para as ruas esburacadas e água para metade da população também está nos planos para este ano, além de um projeto para legalizar 70% dos imóveis.

Como Belford Roxo enfrenta a crise? 

● Eu pedi ao papai do ceú forças para cumprir a missão de terminar 2015. Tivemos um déficit de mais de R$ 100 milhões no orçamento, fechado em R$ 535 milhões. Além da queda nos repasses federais e estaduais, ainda tivemos que pagar precatórios de governos anteriores. Para este ano, prevemos orçamento de R$ 550 milhões. Belford Roxo é uma cidade dormitório, não temos grandes indústrias. Só a Bayer do Brasil, que está cada vez mais fechando alguns polos. Não temos grandes centros comerciais e tem o agravante de que 70% da população não pagam imposto. Uma cidade com mais de 600 mil pessoas, que tem 79km² e 60% não são saneados. Somos a quinta maior população do estado, mas a segunda mais pobre (só perde para São Gonçalo). Não temos shopping e cinema. 

■ Por que a cidade hoje está entre as piores na classificação de renda média? 

● Cada família recebe, no máximo, dois salários mínimos. O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) melhorou um pouco. Mas se rodar a cidade do Rio, você vai ver que todo o serviço operacional é feito por pessoas de Belford Roxo. Elas tiveram que abandonar os estudos para sustentar a família, poucos têm faculdade. Além disso, a cidade foi toda loteada, as pessoas foram morar precariamente. A cidade cresceu desordenadamente. Não tem infraestrutura, de água, de esgoto. Acaba sobrando para a prefeitura. 

■ E como está a arrecadação própria da cidade? 

● Belford Roxo vive de repasses (FPM, ICMS, royalties). Sem eles o município já estaria morto. O que poderia mudar Belford Roxo e o que estamos lutando é a implantação de um pólo industrial. Nós conseguimos uma área grande, próximo do Arco Metropolitano. O grande problema é que são terrenos que não estão legalizados. A prefeitura não tem como desapropriar sem pagar e não temos dinheiro para isso. 

■ Então é séria a questão da legalização dos imóveis. 

● Sim, as pessoas têm o domínio da área, muitas por usucapião, mas não têm o RGI. Temos 220 mil residências e comércios, mas só 10 mil imóveis registrados, a maioria sem RGI. Estamos fazendo um projeto para que as pessoas possam fazer o registro, aumentando a arrecadação. Esse trabalho começa esse ano, já estamos com estudos. 

■ A prefeitura deve ser uma importante empregadora no município. Quantos funcionários têm hoje?

 Temos de 10 mil a 11 mil funcionários. Vamos seguir uma determinação do Ministério Público e realizar concurso público para várias áreas, principalmente na saúde. Esperamos realizar o concurso em março. Agora estudamos o impacto financeiro porque queremos oferecer 2 mil vagas

■ Como fica a questão da constante falta d’água? 

● Pedimos ao governador Pezão recursos para solucionar a crônica falta d’água na Baixada. Ele conseguiu R$ 3 bilhões com a Dilma para sanar o problema. Em Belford Roxo vai começar ainda este mês no bairro Vale do Ipê. Mas com o trabalho que estão fazendo no Rio Guandu, metade da população da cidade será beneficiada. 

■ A segurança pública é um dos maiores problemas da cidade. Qual a solução? 

● Conseguimos aprovar 19 projetos em Brasília para implementar instrumentos de saúde e educação e áreas de desenvolvimento culturais e esportivas. Vamos contratar 240 profissionais para implantar atividades nas comunidades para todas as idades. Uma ação na área preventiva para o jovem não ficar ocioso. Já pedimos ao estado para aumentar o efetivo para o 39º BPM. 

Via O DIA / Notícias de Belford Roxo

Belford Roxo sedia encontro com a Regional de Defesa Civil do Estado

BELFORD ROXO - Para marcar a troca de comando da Regional de Defesa Civil do Estado – Baixada Fluminense (REDEC 9), a Secretaria de Segurança Pública de Belford Roxo, através da Coordenadoria de Defesa Civil da cidade, recebeu esta semana o novo comandante da Redec 9, o Tenente Coronel Renato, que acaba de assumir a função. Ele será o responsável por dar suporte às Defesas Civis da região em ações de prevenção e desastres naturais.



O encontro contou com a presença do Prefeito Dennis Dauttmam, que aproveitou para pedir apoio ano atendimento às vítimas das chuvas dos últimos dias e apresentou a equipe do Redec o Centro de Monitoramento e Gerenciamento de Riscos da cidade. O espaço é destinado ao controle dos índices metrológicos e a prevenção de desastres de ordem natural.


Participaram do evento o Secretário Municipal de Segurança Pública, Claudinei Martins, o subsecretário, Adriano Lemos, o coordenador da Defesa Civil de Belford Roxo, Sergio Marizia, o chefe do DIOP, Siqueira, representantes das Defesas Civis das demais cidades da Baixada, o Comandante do 39ºBPM de Belford Roxo, Tenente-Coronel André Santos de Souza, o Subcomandante Lima, o Comandante do Destacamento de Bombeiros de Belford Roxo, Rafael Almeida, o subsecretário de saúde, Rodrigo, entre outras autoridades.













Via imprensa PMBR

Fotos Marcos Paulo

“Tia” é presa no Castelar em Belford Roxo

BELFORD ROXO - Uma equipe de policiais do 39ªBPM (Belford Roxo) prendeu ontem, uma mulher identificada como Ana Michaela Leal, de 41 anos, conhecida como “Tia”, na comunidade do Castelar, em Belford Roxo. Ela é acusada de guardar entorpecentes em sua casa.

Segundo o sargento Cruz que comandava uma operação com o intuito de retirar barricadas pela comunidade, com o apoio dos soldados Batinga e Gouveia, a mulher foi surpreendida após denúncia de moradores. De acordo com os PMs, a polícia foi informada que “Tia” que armazenava na própria residência, entorpecentes de uma boca de fumo da área.

A equipe foi até o local e encontrou com a acusada: 1470 sacolés de maconha, um rádio transmissor, dois tabletes de erva seca, 131 frascos de cheirinho da loló, 99 sacolés de pó branco e cerca de R$ 12 em espécie.

“Tia” foi autuada por tráfico de drogas na 64ª DP (São João de Meriti / Central de Flagrantes) para onde foi levada e o caso registrado.




Via Jornal Hoje

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

39ºBPM prende chefe do tráfico do Morro do Machado e apreende submetralhadora

BELFORD ROXO - Foi preso na manhã desta sexta-feira (22 de janeiro), por agentes militares do 39ºBPM (Belford Roxo), o chefe do tráfico da comunidade do Machado, conhecido como "Nego Dengo". Com os mesmo foi apreendido uma submetralhadora, uma pistola CZ, um rádio comunicador, 12 munições cal 9mm, 25 pinos de cocaína, mais uma certa quantidade de drogas.

A guarnição do GAT, a comando do Ten Bertolucci, encaminhou a ocorrência à 64ªDP (Central de Flagrantes).


Via Notícias de Belford Roxo

Primeira Habilitação Gratuita 2016 CNH Social - Inscreva-se até dia 25/01


Vagas remanescentes Sest Senat foram abertas mais uma vez para Primeira Habilitação gratuita 2016, Sest Senat publicou no site que há 6.735 vagas para cursos CNH Social 2016 para categoria B e Inserção de Novos Motoristas para categoria C, D e E, para serem preenchidas por pessoas que precisam de habilitação para inserção no mercado de trabalho como motorista em Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Bahia, Minas Gerais, Maranhão e outros.


Habilitação gratuita 2016 Sest Senat está com inscrições abertas novamente para que todas as vagas que sobraram sejam preenchidas. Estão sobrando vagas porque nem todos os candidatos inscritos tinham os requisitos necessários, veja se você pode se candidatar em um dos cursos dos projetos Sest Senat.


Requisitos dos candidatos que querem ser motorista com CNH B 2016

Ter de 18 a 27 anos, saber ler e escrever e esses podem ser pessoas que já tinha iniciado no projeto antes, quem á participou do projeto mas não compareceu na unidade ou não foi chamado ou mesmo foi reprovado no curso, pessoas que desistiram do curso mas apresentaram comprovante que não podiam continuar e quem já possui habilitados na categoria A. 


Requisitos dos candidatos que querem mudar a categoria da CNH para C, D e E em 2016


Ter idade de 21 a 50 anos com carteira B, C, e D e desses, quem possui habilitação B deve ter obtido pelo menos a 1 ano, também podem se inscrever participantes que não finalizaram o curso do projeto, quem se inscreveu mas não foi chamado e foi chamado mas não compareceu, tendo uma nova oportunidade de ingressar no curso do Sest Senat e para todos : não pode ter cometido infração grave ou gravíssima, não ser reincidente de infrações médias e menos de 1 ano.


Para todos os candidatos, exceto os que possam comprovar que atuam no setor do transporte e autônomo e filhos de autônomo transportador, precisam ter renda familiar de até 3 salários mínimos que deve ser comprovado no dia de matrícula por meio de contracheques, carteira de trabalho, extratos bancários, comprovante de rendimento de aposentadoria, guia de recolhimento do INSS e outros.


Comprovante de rendimento é para quem tem renda, quem não possui qualquer renda mensal, poderá fazer uma declaração e depois assinar, modelo de declaração poder ser conferido no edital no site abaixo.



Os candidatos interessados podem se inscrever por meio do site da instituição, nos links abaixo, a partir da zero hora do dia 16 até 25 de janeiro

Primeira Habilitação para o Transporte - CNH Social

Habilitação Profissional para o Transporte - Inserção de Novos Motoristas

Mulher Melão revela: 'Venho com seios de fora, tapa-sexo e ostentação'


BELFORD ROXO - Rainha de bateria da Inocentes de Belford Roxo conta que já emagreceu 7kg para a Avenida. 'Quero curtir e fazer bafo' diz Mulher Melão.

Se alguém aí achava que o carnaval 2016 estava meio assim sem graça ou sendo o mais do mesmo... pode parar de achar. Renata Frisson, a Mulher Melão, chegou para dar bafo (como ela costuma dizer na gíria). A funkeira, que virou rainha da Inocentes de Belford Roxo faltando pouco mais de um mês para o carnaval.

A começar pela chegada ao posto. Ela foi acusada de ajudar a destituir a antiga rainha ao oferecer dinheiro para ficar com o cargo. O que é negado veementemente.

“Nada do que foi dito me abalou. Até porque foram acusações mentirosas. A única exigência que fiz para aceitar o convite da escola, que é que o que eu faço questão, é a de vir bem à vontade, seminua”, diz ela com naturalidade ímpar, explicando ainda que nem pretendia desfilar no carnaval 2016.

“Costumo dizer que as palavras têm poder. Disse que iria desfilar em 2016 só se fosse rainha de bateria. E não é que o carnaval não me quis deixar quietinha? Não tive como não aceitar o convite. Ainda mais sendo de uma escola da Baixada Fluminense, onde tenho muitos fãs”, diz ela, voltando a explicar na sequência que, apesar de vir seminua, não virá com uma fantasia pobrinha.

Sete quilos a menos com massagem e chá verde

“Vou vir com uma fantasia de diva, com tudo o que eu gosto: seio de fora, tapa-sexo e muita ostentação. Beleza e ostentação, porque eu acho que a verdadeira fantasia de uma mulher é o seu corpo”, explica e filosofa ela que, além do corpão já conhecido, está fazendo um trabalho para secar.

Melão diz que já eliminou sete quilos com ajuda de massagem modeladora, que faz todos os dias, exercícios aeróbicos e muito chá verde.

“Ainda não sei quanto vai custar minha fantasia. O principal é o corpo, que tem que estar bonito, seco, esguio. Quero entrar na Avenida esbanjando sensualidade”, diz ela que já reinou em outras escolas da Série A, mas conta estar nervosa como se fosse a primeira vez.

“É uma emoção diferente, uma responsabilidade, tem que ficar ligada, concentrada para apresentar a bateria. Afinal, ela é a grande estrela”, diz ela que, no que diz respeito a si mesma, quer apenas ser Melão na Avenida. “Quero curtir e fazer bafo. Esse é o espírito”, diz rindo.

Via Jornal Floripa