terça-feira, 6 de outubro de 2015

Mesmo após fim da greve, agência do INSS em Belford Roxo só têm vagas para 2016

BELFORD ROXO - As agências do INSS voltaram a funcionar na quinta-feira passada, após 85 dias de greve dos servidores, mas o suplício para os segurados da Previdência Social continua. Testes de agendamento de perícias para a concessão, a manutenção ou a suspensão de auxílios-doença ou de atendimento para dar entrada em aposentadorias por tempo de contribuição mostraram que alguns postos têm vagas disponíveis somente para 2016.

Nas simulações feitas pelo site do Ministério da Previdência Social (www.mps.gov.br), apenas uma das 14 agências pesquisadas na capital tinha vagas para este mês para quem pretende fazer uma perícia. Na Região Metropolitana do Rio, só três das 14 unidades (21%) tinham disponibilidade para outubro. No interior, a situação era melhor. Treze dos 25 postos consultados (52%) tinham vagas para este mês.

Para dar entrada na aposentadoria, a espera também continua longa: apenas duas das 16 agências pesquisadas na capital tinham atendimento para outubro (12,5%). Na Região Metropolitana do Rio, só um das 13 unidades consultadas tinha horários para este mês (7,7%). Assim como acontece no caso das perícias, os beneficiários encontravam mais postos no interior para agendar pedidos de aposentadoria: quatro dos 14 (28,5%) tinham vagas.

Dos 96 agendamentos em datas mais próximas, nove eram apenas para 2016, nos postos de Irajá, Campo Grande, Bangu, Méier e Copacabana — na capital —, e nas cidades de Angra dos Reis, São João de Meriti, Belford Roxo e Barra Mansa.

Na semana passada, os servidores aceitaram aumentos salariais de 5,5%, em 2016, e de 5%, em 2017 — total quase três vezes abaixo do percentual pleiteado, que era 27%. Apesar do retorno dos servidores das agências, a greve dos peritos, que já dura 32 dias, continua. Segundo a Associação Nacional dos Médicos Peritos da Previdência Social (ANMP), 70% da categoria aderiram à paralisação.

Via Jornal Extra


Nenhum comentário:

Postar um comentário