segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Morre a presidente da FABEL, Profª. Fernanda Bicchieri Soares



BELFORD ROXO - Morreu aos 77 anos, a presidente do grupo FABEL, Professora Fernanda Bicchieri Soares, neste domingo (19 de outubro). O comunicado foi feito pelo site oficial da Faculdade. 

O velório será na Igreja do Sagrado Coração de Jesus, na Solidão. O sepultamento ocorrerá hoje (Domingo) às 16:30. 


Segundo a FABEL, amanhã as aulas transcorrerão normalmente em todos os turnos.


Fernanda Bicchierri sempre foi apaixonada por Belford Roxo. Sua personalidade a levou também a lutar ativamente pela emancipação. Em 1988, correu escolas das quais era Inspetora da Secretaria Estadual de Educação, visitou associações de moradores e comunidades, sempre se batendo pela bandeira da emancipação. Após sancionada a lei que criava Belford Roxo, em 90, a cidadã partiu para outro projeto: um estudo completo sobre as condições sociais, geográficas e políticas do novo município junto ao Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam).


Abaixo, entrevista de Fernanda Bicchierri ao jornal O Globo, em 1996

(O Globo) Qual a melhor paisagem de Belford Roxo 
(Fernanda) A vista parcial do Centro da cidade, que tenho da sacada de minha casa. Fico feliz ao mostrá-Ia aos amigos, principalmente os que não conhecem o município.

Cartão da visita 
- O Jardim Escola Castelinho, pela sua fachada e localização.

Ponto histórico importante 
- A Igreja do Sagrado Coração de Jesus, a primeira construída em alvenaria em 1928.

Relíquia 
- O mobiliário da Fazenda da Boa Esperança, que data do século XVIII.

Mania
- Juntar pedaços da história de Belford Roxo e reunir os amigos para falar do assunto.

Restaurante preferido 
- La Bonne, próximo ao portal.

Mulher mais elegante do município
- Eunícia Nunes Calado, minha costureira. Uma mulher de muito bom gosto.

Melhor vizinho 
- Leti Peçanha Leal, que é silenciosa, discreta e amiga.


Quem gostaria que morasse na cidade
- O ministro da Cultura. Francisco Weffort. Ele ficaria maravilhado com a musicalidade de nossa gente.

AIegria
- Estar em paz comigo mesma.

Tristeza 
- Os atos de violência, como por exemplo, a retirada dos brasões de Belford Roxo.

O que falta ao município 
- As prioridades mal resolvidas, como um hospital. cinema, teatro, biblioteca pública e uma casa de cultura.

Se não fosse aqui. seria... 
- Roma, Paris, Viena, Lisboa...

Esperança 
- Que as autoridades olhem mais pela educação e pela cultura. Só assim teremos uma sociedade com maior nível de politização.

Mensagem
- Aos educadores, que continuem perseverando, pois com melhor ensino o país mudará.

Projeto
- Organizar e aumentar o arquivo do Centro de Preservação do Patrimônio Histórico e Cultural de Belford Roxo. Pretendo conseguir a ajuda de uma universidade e colocá-lo ao alcance da população.

Amigos
- Toda a cidade é meu quebra-galho, basta um bilhetinho para eu ser atendida de pronto. Quando saio às ruas, sempre encontro um rosto amigo. Aqui, em Belford Roxo, estou em casa.

Via Notícias de Belford Roxo
Entrevista - O Globo 1996


Nenhum comentário:

Postar um comentário