segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Prefeitura realiza 2ª Conferência Municipal de Cultura, em Belford Roxo



BELFORD ROXO - A Prefeitura Municipal de Belford Roxo, através da Secretaria de Cultura e Turismo, realizou na última sexta-feira (09 de agosto) a abertura da II Conferência Municipal de Cultura, na Casa de Cultura, em Nova Piam. O evento tem o tema “Uma Política de Estado para a Cultura: Desafios dos Sistemas Municipal e Nacional de Cultura” e vai revisar e debater o sistema municipal da cultura e a lei de incentivo à cultura, além de discutir os eixos temáticos que vão nortear o Conselho Estadual.


O encontro contou com a presença de representantes do poder público e da sociedade civil organizada, assim como, dos secretários de Cultura, Emerson Pires, Governo, Wagner Turques, Assistência Social e Direitos Humanos, Sula do Carmo, Habitação e Urbanismo, Jacoginho, além do representante do Ministério da Cultura (Minc), Fábio Lima, do Presidente do Instituto de Arqueologia Brasileira (IAB), Ondemar Dias, do Deputado Estadual, Robson Leite, do Superintendente da Juventude, Robson Seixas, do músico, Ras Bernardo, e das Coordenadoras do IAB e de Igualdade Racial, Jandira Neto e Conceição Lessa, respectivamente. 

A abertura solene foi marcada por diversas manifestações culturais, que foram programadas especialmente para a ocasião. Atividades como, esquetes teatrais, números de balé, hip hop, dança do ventre e capoeira foram realizadas durante o encontro. Houve também um desfile de indumentárias relacionadas à cultura africana e a participação da bateria da escola de samba Inocentes de Belford Roxo. Com isso, foi possível demonstrar um pouco do que o município dispõe nesse setor, desde o tradicionalismo do folclore brasileiro até a pluralidade e diversidade cultural.
Para o Secretário de Cultura, Emerson Pires, as futuras realizações do município na área cultural são de suma importância para a melhoria da qualidade de vida da população. “O debate com a sociedade vem a calhar, pois a partir daí vão surgir estratégias para melhorar a área de cultura em Belford Roxo. Esperamos encontrar o caminho para conseguir os financiamentos necessários para investir mais nos projetos existentes e em novos planos que temos para o município. As ações culturais transformam jovens e adultos, consequentemente transforma a cidade. E isso é a nossa meta”, conclui Emerson.

Na ocasião, o representante do Minc foi categórico ao afirmar: “O poder público tem obrigação de incentivar esse tipo de prática. A cultura é um direito social e precisa ser respeitado por lei. Temos que parar de nos esconder para conseguirmos expressar a nossa vontade. Os jovens precisam se manifestar e tomar conta daquilo que é seu por direito. É necessário se organizar para ganhar voz e só assim conseguiremos ser respeitados nos conselhos estadual e federal”, declarou Fábio Lima.



Divulgação


Nenhum comentário:

Postar um comentário